Os pés de uma mulher sentada no vaso sanitário com um rolo de papel higiênico no chão, e os dizeres: O que a cor e o cheiro da sua urina dizem sobre a sua saúde?

O que a cor e o cheiro da sua urina dizem sobre a sua saúde?

Data de publicação: 14/05/2019 11:29:00
Categoria: Dicas de Saúde

Por Kathleen Smith

Alimentos, medicamentos e vitaminas podem alterar a cor da urina. Porém, maus odores e coloração incomum podem indicar problemas de saúde. Mesmo que não receba tanta atenção, a urina pode dar sinais de condições como desidratação, infecção, diabetes e até mesmo doenças de ordem metabólica.

Composta principalmente por água, em geral, a urina tem odor leve e coloração amarela clara. No entanto, alguns alimentos, como os aspargos, beterraba e cenoura podem provocar mudanças em suas características. Os revestimentos artificiais de medicamentos também podem alterar a urina, especialmente aqueles que contêm vitamina B6.

O que indicam os odores da urina?
O cheiro semelhante ao de amônia na urina pode significar desidratação ou infecção no trato urinário – doença que também pode causar odor adocicado. O cheiro de levedura pode indicar infecção por fungos e outros odores de mal cheiro podem sinalizar doenças como clamídia e tricomoníase.

Quando o cheiro frutado vem acompanhado com idas frequentes ao banheiro, o paciente pode ter diabetes tipo 2. A gravidez é outro fator que pode afetar o odor da urina e facilitar a ocorrência de infecções no trato urinário.

O que indicam as cores da urina?
A alimentação, os tratamentos médicos, condições médicas e a quantidade de líquidos ingeridos podem afetar a cor da urina. Beber bastante água, por exemplo, faz com que os pigmentos da urina sejam diluídos e a torna mais clara. Assim, a desidratação pode tornar sua coloração mais escura.

A urina transparente geralmente indica que a pessoa está bem hidratada. Porém, é preciso evitar beber água em excesso, para evitar um desequilíbrio de eletrólitos no sangue. Quando amarela pálida ou transparente, a urina também indica hidratação adequada.

O tom amarela escuro é comum, e sugere desidratação leve. Quando o tom é mais evidente, como cor de mel, é sinal de que o corpo não está recebendo a quantidade necessária de líquidos.

A urina laranja pode ser causada pela ingestão de cenoura, vitamina C e alguns medicamentos, porém, pode indicar problemas no fígado ou desidratação.

A cor rosa ou vermelha na urina pode ser efeito do consumo de alimentos como beterraba, ruibarbo e amoras, assim como pode indicar a presença de sangue na urina, fruto de condições médicas como infecção, próstata aumentada, tumores, cistos, pedras nos rins, envenenamento por chumbo ou mercúrio.

Verde e azul podem ser cores relacionadas a corantes que não são absorvidos pelo corpo, ou substâncias presentes em medicamentos. A cor verde também pode indicar a bactéria pseudomonas, que causa infecções do trato urinário.

A cor marrom é sinal de alerta e pode indicar doenças do fígado e dos rins, além de infecções no trato urinário.

Urina branca ou leitosa é um indício do excesso de minerais, incluindo cálcio ou fosfato.

Quando procurar um médico?
Caso a ocorrência de cores anormais e cheiros estranhos não tenha uma explicação relacionada a alimentação e medicamentos, e vier acompanhada de febre, queimação ao urinar, calafrios e dores nas costas, é ideal buscar atendimento médico.

Fonte:
Everyday Health
Tradutora e redatora: Daniela Souza
Revisora: Paula Ávila
Designer: Raphael Alpoim
Diretor técnico: Geraldo Majella

  • Gostou? Compartilhe: